Hollande pede presença ampla em eleição parlamentar francesa

quinta-feira, 7 de junho de 2012 18:37 BRT
 

PARIS, 7 Jun (Reuters) - O presidente socialista da França, François Hollande, pediu na quinta-feira aos eleitores de esquerda do país que compareçam às urnas em grande número do domingo para o primeiro turno da eleição presidencial no país.

Pesquisa OpinionWay-Fiducial mostrou que o Partido Socialista e pequenos partidos aliados de esquerda podem eleger entre 290 e 320 deputados, superando o limite de 289 da maioria absoluta. Isso permitiria que o recém-empossado Hollande aprove projetos sem depender da oposição.

A direita moderada, incluindo o partido UMP, do ex-presidente Nicolas Sarkozy, deve eleger entre 209 e 247 deputados, e a Frente Nacional, de ultradireita, tem chances de voltar ao Parlamento pela primeira vez desde meados da década de 1980, com quatro parlamentares.

"Peço aos franceses que votem", disse Hollande durante visita a uma escola em Oise, no noroeste francês. "Peço a eles que dêem (ao governo) uma grande maioria, sólida e coerente."

Na localidade de Henin-Beaumont, no norte da França, outra pesquisa indicou que a ex-candidata presidencial Marine Le Pen, da Frente Nacional, terceira colocada na eleição presidencial, deve obter a primeira colocação no seu distrito como candidata a deputada.

Mas dificilmente ela terá chance no segundo turno, em 17 de junho, quando deverá enfrentar o líder esquerdista Jean-Luc Melenchon, que ficou em quarto lugar na eleição presidencial, ou o socialista Philippe Kemel.

(Reportagem de Daniel Flynn)