22 de Junho de 2012 / às 00:06 / em 5 anos

Embraer e Avic vão construir jatos executivos na China

RIO DE JANEIRO, 21 Jun (Reuters) - A Embraer e a Aviation Industry Corporation of China (Avic) assinaram um acordo para a fabricação, na China, dos jatos executivos Legacy 600/650, de acordo com comunicado enviado ao mercado nesta quinta-feira.

O negócio já teve início com um pedido, pela chinesa ICBC Leasing, de 10 jatos Legacy 650, sendo cinco pedidos firmes e cinco opções.

Os termos do acordo entre as companhias prevêem que seja utilizada a infraestrutura, recursos financeiros e mão-de-obra da joint venture Harbin Embraer Aircraft Industry (Heai), que iniciou operações em 2002.

Segundo comunicado da Embraer, as entregas estão programadas para começar no final de 2013.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou o negócio nesta quinta-feira durante entrevista coletiva da Rio+20. O acordo foi assinado durante a visita ao Brasil do Primeiro-Ministro da China, Wen Jiabao, para a conferência, que resultou, entre outros temas, na assinatura de um acordo de swap em moeda local .

"A concretização da cooperação China-Brasil no campo da aviação é produto dos esforços conjuntos de líderes governamentais e da indústria do setor nos dois países", disse o presidente da Avic, Tan Ruisong, em comunicado.

Segundo ele, a Avic aproveitará a oportunidade para desenvolver uma plataforma de fabricação de jatos executivos que possa atender à demanda dos mercados chinês e mundial e ajudar a colocar o setor de aviação executiva da China em um "novo patamar".

A Embraer possui um escritório na China desde 2000. Em 2010, estabeleceu sua primeira subsidiária integral no país, a Embraer (China) Aircraft Technical Services, que tem como foco o suporte pós-vendas.

Com a encomenda da ICBC Leasing, os pedidos firmes da Embraer na China totalizam 159 jatos comerciais e executivos, incluindo 20 pedidos firmes do Legacy 650.

"A Embraer detém cerca de 78 por cento do mercado de aviação regional da China e está ganhando força no segmento executivo, com 18 encomendas confirmadas de jatos executivos em 2011. A cooperação com a AVIC no programa Legacy 600/650 consolida a presença da Embraer no mercado de aviação executiva da China", disse a companhia.

Por Juliana Schincariol; Edição de Fábio Couto

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below