Contrato de US$600 mi da HP com a GM está sob ameaça--fontes

sexta-feira, 13 de julho de 2012 18:17 BRT
 

SAN FRANCISCO, 13 Jul (Reuters) - A decisão da General Motors de trazer para dentro de casa muito da sua força de trabalho em tecnologia da informação ameaça um acordo de serviços de TI avaliado em 600 milhões de dólares por ano com a HP, disseram à Reuters duas fontes com conhecimento direto da questão.

Não está claro quanto do contrato com a HP seria afetado. Mas o contrato da GM é um dos maiores da empresa de TI, contou uma das fontes, acrescentando que a perda de um montante significativo de tais negócios seria "considerável".

As fontes falaram sob a condição de anonimato porque os detalhes do arranjo são privados.

A HP e a GM não quiseram comentar o assunto.

A fabricante de automóveis sediada em Detroit é a principal cliente da HP, que tem fornecido serviços de tecnologia e suporte à GM há 25 anos.

A GM disse nesta semana que agora planeja lidar internamente com a maioria das necessidades de TI, completando a transição entre três e cinco anos, por meio da contratação de milhares de desenvolvedores de software, substituindo sua mão de obra terceirizada.

Sozinha, a divisão automotiva da GM responde por 350 milhões de dólares em serviços corporativos de TI para a HP, anualmente, disse a fonte, acrescentando que a HP também vende muitos de seus produtos e outros serviços relacionados à GM. O montante de 600 milhões de dólares não inclui esta parte do trabalho da HP com a companhia.

(Por Poornima Gupta, reportagem adicional de Ben Klayman)