Técnico inglês diz que Copa no Brasil terá problemas logísticos

sexta-feira, 24 de agosto de 2012 19:19 BRT
 

Por Mike Collett

LONDRES, 24 ago (Reuters) - A Copa do Mundo de 2014 no Brasil apresenta "problemas logísticos", mas o torneio terá um tempero adicional por causa da obsessão do país com futebol, disse o técnico inglês Roy Hodgson na sexta-feira.

Falando em uma entrevista coletiva ao lado do técnico escocês Craig Levein, do treinador Chris Coleman, de Gales, e do norte-irlandês Michael O´Neill, Hodgson acredita que as equipes e os torcedores de fora enfrentarão grandes desafios em termos de clima e de mobilidade.

"Eles têm um grande problema logístico nas mãos. É um país vasto. Não acho que nós nos damos conta de quão grande ele é", afirmou ele.

"Haverá dificuldades enormes para os times que se qualificarem, de acordo com onde eles serão sorteados."

"Se você estiver em Porto Alegre, precisará de um casaco de pele, porque as temperaturas chegam a números de um dígito, com certeza, e às vezes menos ainda."

"E, se você estiver em Manaus, então não tomará banho de sol, mas vai se deparar com 40, 50 graus de calor e muitos pernilongos, além de estar perto da Floresta Amazônica."

"Basicamente, quando falamos sobre o Brasil, estamos nos referindo ao Rio, mas nem todas as equipes podem estar no Rio - algumas terão de ir a outros lugares", disse ele, sorrindo.

Hodgson também afirmou que ele viu uma série de bases em potencial no Rio, em São Paulo e em Belo Horizonte para a seleção inglesa, mas estava preocupado com alguns aspectos do planejamento.   Continuação...

 
Técnico da seleção inglesa de futebol, Roy Hodgson, comparece a entrevista coletiva para a copa de 2014 no Brasil, em Londres, na Inglaterra. A Copa do Mundo de 2014 no Brasil apresenta "problemas logísticos", mas o torneio terá um tempero adicional por causa da obsessão do país com futebol, disse Hodgson na sexta-feira. 24/08/2012 REUTERS/Neil Hall