Suspeito de invadir casa de LL Cool J se declara inocente

terça-feira, 28 de agosto de 2012 19:47 BRT
 

Por Piya Sinha-Roy

LOS ANGELES, 28 Ago (Reuters) - Um homem que supostamente invadiu a casa do rapper e ator LL Cool J e foi dominado e segurado pelo artista até a chegada da polícia declarou ser inocente da acusação de roubo nesta terça-feira.

Jonathan A. Kirby, de 56 anos, estava detido na cadeia e uma nova audiência foi marcada para 10 de setembro em Los Angeles para decidir se existe prova suficiente para ele ser julgado.

A queixa-crime contra Kirby alega pelo menos duas condenações anteriores na Califórnia, o que significa que, se ele for considerado culpado desta invasão, isso seria um "terceiro ataque" de acordo com a lei da Califórnia, e ele enfrentaria de 38 anos à prisão perpétua.

Kirby foi preso em 22 de agosto depois que a polícia foi chamada à casa de LL Cool J, nascido James Todd Smith, depois que o rapper encontrou o homem na cozinha de sua casa em Los Angeles por volta da 01h00, lutou com ele e o deteve, disse à Reuters um porta-voz da polícia após o incidente.

Kirby, que segundo a polícia parecia ser sem-teto, foi levado a um hospital local para tratar do nariz, mandíbula e costelas quebrados, informou a polícia.

O ator faz o papel de agente especial em uma unidade de investigação criminal da Marinha dos EUA no seriado "NCIS: Los Angeles".

(Reportagem de Piya Sinha-Roy)

 
Ator LL Cool J é visto nesta foto de abril deste ano posando para fotos após abrir show em Ohio, nos EUA. Um homem que supostamente invadiu a casa do rapper e ator e foi dominado e segurado pelo artista até a chegada da polícia declarou ser inocente da acusação de roubo nesta terça-feira. 14/04/2012 REUTERS/Aaron Josefczyk