Grãos caem na CBOT por liquidação de comprados e colheita nos EUA

terça-feira, 18 de setembro de 2012 17:39 BRT
 

CHICAGO, 18 Set (Reuters) - Os futuros do milho e da soja registraram novas perdas na sessão desta terça-feira na bolsa de Chicago (CBOT), por pressões da colheita nos Estados Unidos e liquidação de comprados realizada por fundos, disseram operadores.

O trigo também caiu, pressionado pelo fraco complexo das commodities, e por previsões de clima favorável neste mês na Austrália disseram traders.

A soja terminou as negociações registrando sua terceira queda seguida, perdendo 29 centavos, pressionada pela colheita nos EUA, além de liquidações de comprados impulsionadas por fundos, disseram traders.

O contrato spot da oleaginosa perdeu terreno para contratos mais distantes com spread, em parte pela rolagem de posições dos investidores do contrato com entrega em novembro para os próximos.

O novembro terminou o dia cotado a 16,40 dólares por bushel.

A soja também foi pressionada por declarações da Oil World de que haverá uma grande safra de soja na América do Sul em 2013.

Os futuros do milho também caíram nesta segunda-feira em meio a liquidações de comprados, e à temporada de colheita nos EUA. O contrato dezembro da commodity encerrou com queda de 7,25 centavos, cotado a 7,4075 dólares por bushel.

Uma maturação mais rápida que o usual e um clima favorável impulsionaram a colheita do milho norte-americano. Até domingo, já foram colhidas um recorde de 26 por cento das lavouras, segundo informações do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA).

O trigo também caiu, acompanhando a queda do milho e da soja, e por uma melhora nas perspectivas de rendimento das lavouras da Austrália, afirmaram traders.

O dezembro da commodity caiu 12,50 centavos, cotado a 8,6525 dólares por bushel ao final da sessão.

(Reportagem de Mark Weinraub, Sam Nelson e Julie Ingwersen)