ATUALIZA 4-HRT compra 60% de campo da BP; terá produção comercial

segunda-feira, 6 de maio de 2013 17:56 BRT
 

Por Fabiola Gomes e Sabrina Lorenzi

SÃO PAULO/RIO DE JANEIRO, 6 Mai (Reuters) - A HRT Participações em Petróleo fechou acordo com a BP Energy do Brasil para comprar uma participação de 60 por cento no campo de Polvo, na bacia de Campos, em anúncio que marca o início das operações em escala comercial da companhia.

Pela fatia no campo, que produz aproximadamente 13 mil barris/dia de petróleo, a HRT pagou 135 milhões de dólares, informou nesta segunda-feira a companhia em nota.

Para o presidente da HRT, Marcio Rocha Mello, a aquisição é um marco importante para a petrolífera, dentro da "estratégia de diversificação do portfólio para além dos ativos de exploração", concentrados atualmente na bacia do Solimões (Amazonas) e na Namíbia.

A ação da HRT terminou o dia em alta de 6,14 por cento, cotadas a 4,15 reais, segundo dados preliminares de fechamento. Na máxima da sessão na Bovepsa, o papel chegou a subir 10,5 por cento.

"Estrategicamente, consideramos positivo (o negócio)... É natural que haja esta valorização, porque tem um certo benefício neste ano, mas ele é pequeno porque o fluxo de caixa deve continuar negativo", disse o analista do BES Securities, Oswaldo Telles, destacando que a empresa hoje tem mais despesas do que "entradas" de capital.

O principal fator para o futuro da HRT, segundo o analista do BES, continua sendo a descoberta de petróleo no Solimões ou na Namíbia. "Neste mês deve sair o primeiro resultado da Namíbia, e também uma perfuração em área nova do Solimões", disse.

Para o especialista do Centro Brasileiro de Infraestrutura (Cbie), Adriano Pires, Polvo é um campo muito mais apropriado para uma empresa média como a HRT do que para uma empresa grande como a BP, pelo seu tamanho limitado de reserva e produção.

"É um campo que a reserva não é tão grande e a produção não é tão grande... A HRT comprar um campo no pré-sal é difícil, por causa da tecnologia e o dinheiro para isso", explicou Pires.   Continuação...