Módulo cargueiro parte rumo à Estação Espacial Internacional

quarta-feira, 18 de setembro de 2013 20:57 BRT
 

ILHA DE WALLOPS, 18 Set (Reuters) - Um foguete não-tripulado da classe Antares foi lançado nesta quarta-feira de uma base no litoral da Virgínia, enviando uma cápsula cargueira para a Estação Espacial Internacional.

O foguete, com uma altura equivalente a 13 andares, decolou às 10h58 (11h58 em Brasília) do Porto Espacial Regional do Médio Atlântico, instalação estatal na ilha de Wallops.

A nave de dois estágios, desenvolvida pela empresa Orbital Sciences Corp e fazendo seu segundo voo, deixou uma coluna de fumaça que era visível de Nova York à Carolina do Sul.

Na ponta do foguete viaja o novo módulo cargueiro Cygnus, também desenvolvido pela Orbital Sciences. Esse é uma das duas naves robóticas desenvolvidas em parceria com a Nasa para levar cargas à Estação depois da aposentadoria dos ônibus espaciais norte-americanos.

A cápsula deve chegar no domingo à Estação, um projeto multinacional de 100 bilhões de dólares, que paira 400 quilômetros acima da Terra.

"Este é um dia muito emocionante para nós", disse o vice-presidente-executivo da Orbital Sciences, Frank Culbertson, a jornalistas após o lançamento. "É difícil tirar um foguete de uma plataforma de lançamento, não importa quantas vezes você faça isso."

Outra empresa privada, a Space Exploration Technologies, que começou a trabalhar cerca de 18 meses antes da Orbital Sciences, já fez três viagens à Estação.

A Nasa investiu 686 milhões de dólares na Orbital Sciences e na Space X e concedeu a essas empresas contratos num total de 3,5 bilhões de dólares para levar cargas à Estação.

Se tiver sucesso com a Cygnus, a Orbital Sciences pode receber mais encomendas da Nasa e atrair o interesse de clientes comerciais e científicos.   Continuação...