Wintershall deve firmar acordo por áreas de petróleo de Vaca Muerta

segunda-feira, 23 de setembro de 2013 15:14 BRT
 

FRANKFURT, 23 Set (Reuters) - A alemã Wintershall, braço de petróleo e gás da indústria química BASF, está perto de assinar um acordo para buscar petróleo no campo argentino de Vaca Muerta, considerado uma das maiores reservas de xisto do hemisfério ocidental, disse um funcionário do governo.

A Wintershall planeja explorar uma área de 97 km quadrados da formação de Vaca Muerta, disse nesta segunda-feira um porta-voz do Ministério de Energia da província de Neuquén, onde a maior parte do campo está localizado.

A alemã planeja assinar o acordo com a empresa de petróleo e gás da província, Gas y Petroleo de Neuquén, mais tarde no dia, disse um porta-voz durante uma visita à Alemanha.

A estatal já tem uma licença para procurar petróleo e gás em áreas de Vaca Muerta. Isso permite a Wintershall a obter direitos de exploração antes que a província lance uma licitação internacional no próximo ano.

A província patagônica argentina de Neuquén lançará entre março e abril uma licitação internacional para o desenvolvimento de várias áreas da formação de hidrocarbonetos não convencionais da região de Vaca Muerta, segundo informações do ministro da Energia do distrito.

A Wintershall, ativa na Argentina desde 1970 e que já detém concessões na província de Neuquén, confirmou que planeja assinar nesta segunda-feira à noite uma carta de intenção não vinculativa, sem dar mais detalhes.

(Reportagem de Peter Dinkloh e Vera Eckert)