Governo indiano quer vender US$2,3 bi em ativos ainda em 2013--fontes

segunda-feira, 11 de novembro de 2013 12:48 BRST
 

MUMBAI, 11 Nov (Reuters) - A Índia retomou planos de vender participações em duas empresas estatais para levantar cerca de 2,3 bilhões de dólares e melhorar as finanças públicas, e quer avançar com o plano até dezembro para aproveitar o bom momento do mercado de ações.

Duas fontes com conhecimento direto do assunto disseram que roadshows para investidores serão lançados nos Estados Unidos na terça-feira para a oferta de uma participação de 10 por cento na refinaria estatal Indian Oil (IOC).

O Departamento de Desinvestimento do governo, responsável por supervisionar a venda de participações em estatais, também encerrou a maior parte dos roadshows para vender 5 por cento na mineradora Coal India, operação que pode levantar até 1,5 bilhão de dólares, disseram as fontes à Reuters.

O departamento espera lançar a venda das fatias nas empresas estatais antes de 15 de dezembro, acrescentaram as fontes, avaliando que os investidores estrangeiros normalmente desaceleram o ritmo para o Natal e Ano Novo.

A planejada venda do governo de participações na Indian Oil e em outras empresas estatais, incluindo a Coal India, é fundamental para aliviar a pressão sobre as finanças públicas que poderiam colocar o rating de crédito do país, atualmente em grau de investimento, em risco.

As fontes não quiseram ser identificadas devido à sensibilidade da questão. Funcionários do Ministério da Defesa, bem como da Indian Oil e Coal India não puderam ser contatados para comentar o assunto.

(Por Prashant Mehra)