November 18, 2013 / 10:03 PM / 4 years ago

Dilma venceria no 1º turno em todos os cenários com três candidatos, diz Ibope

5 Min, DE LEITURA

SÃO PAULO, 18 Nov (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff venceria a eleição presidencial no primeiro turno em todos os cenários com três candidatos, mostrou uma pesquisa do Ibope divulgada nesta segunda-feira.

O levantamento mostrou ainda queda dos socialistas, tanto do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, quanto da ex-senadora Marina Silva, em todos os cenários pesquisados pelo Ibope.

Na simulação apontada como a mais provável, que tem Dilma, Aécio Neves (PSDB) e Campos, a presidente lidera com 43 por cento, ante 41 por cento no levantamento de outubro. Aécio manteve os 14 por cento do levantamento anterior, enquanto Campos perdeu três pontos, ficando agora com 7 por cento.

Neste cenário, 21 por cento declararam voto branco ou nulo e 15 por cento não souberam ou não quiseram responder.

Se Marina substitui Campos como candidata do PSB, Dilma lidera com 42 por cento, contra 39 por cento em outubro. Marina soma 16 por cento, queda de cinco pontos ante outubro, e Aécio se mantém estável em 13 por cento. O percentual de brancos e nulos é de 17 por cento e o de indecisos, de 12 por cento.

Um terceiro cenário em que Serra é o candidato do PSDB e Campos o do PSB, Dilma tem 41 por cento, contra 40 por cento em outubro, enquanto o tucano aparece em segundo depois de oscilar um ponto para cima, com 19 por cento, e Campos tem queda de três pontos, para 7 por cento. Os indecisos são 14 por cento e os que declaram voto branco ou nulo somam 19 por cento.

O quarto cenário, quando Serra e Marina enfrentam Dilma, a presidente tem 40 por cento, ante 39 por cento no levantamento anterior. Nesta simulação, Serra tomou a segunda posição de Marina, com 17 por cento, ante 16 por cento em outubro. A ex-senadora caiu 6 pontos e agora soma 15 por cento. Neste caso, 16 por cento declararam voto branco ou nulo e 11 por cento não souberam responder.

Apesar de a intenção de voto de Dilma superar a soma de seus adversários nestas quatro simulações, o que indica possibilidade de vitória no primeiro turno, ainda é elevado o percentual de eleitores indecisos ou que declararam voto branco ou nulo em todos os cenários, o que poderia mudar este resultado.

Dilma só não ganharia no primeiro turno no cenário em que aparecem cinco candidatos: além da presidente, os tucanos Serra e Aécio e os socialistas Campos e Marina.

No entanto, esse cenário não pode se concretizar na eleição, já que as legendas teriam de escolher apenas um desses candidatos para concorrer à Presidência e o prazo para filiação partidária do ano que vem já se encerrou.

Interesse Por eleição

O Ibope também pesquisou o interesse popular no pleito que ocorrerá em outubro do ano que vem. A pesquisa mostrou que 32 por cento dos entrevistados disseram ter pouco interesse agora nas eleições e 24 por cento declararam não ter interesse algum.

O percentual dos que declararam ter muito interesse é de 16 por cento, enquanto os que afirmaram ter interesse médio atingiram 27 por cento, e 1 por cento não souberam responder.

O instituto também perguntou em quem os eleitores votariam caso o candidato escolhido no cenário que tem Dilma, Aécio, Serra, Marina e Campos não disputasse o pleito.

De acordo com o Ibope, dos eleitores de Marina, 28 por cento disseram que anulariam o voto se a ex-senadora não disputar a eleição. Outros 22 por cento migrariam para Dilma, 20 por cento iriam para Serra e apenas 10 por cento votariam em Campos.

Aécio ficaria com 8 por cento do eleitorado da ex-senadora e 12 por cento disseram não saber como votariam caso ela não seja candidata.

A pesquisa mostrou ainda que, se Campos não sair candidato, 30 por cento de seus eleitores iriam para Dilma e 25 por cento para Marina. Aécio ficaria com 13 por cento desse eleitorado e Serra, com 8 por cento.

Do eleitorado do governador pernambucano, 17 por cento anulariam o voto caso ele não dispute a Presidência e 7 por cento não souberam responder.

Segundo Turno

O levantamento do Ibope também apontou reeleição de Dilma em todos os cenários de um eventual segundo turno. Contra Aécio, a presidente venceria com 47 por cento, contra 18 por cento do tucano. Os brancos e nulos somariam 22 por cento e os indecisos, 13 por cento.

Contra Marina, a presidente teria 44 por cento, e sua rival ficaria com 24 por cento. Brancos e nulos somariam 19 por cento e indecisos, 13 por cento.

Se enfrentasse Campos em uma segunda rodada, Dilma seria reeleita com 48 por cento dos votos, contra 12 por cento do governador pernambucano. Brancos e nulos somariam 24 por cento e indecisos seriam 16 por cento.

Em uma eventual reedição do segundo turno de 2010 entre Dilma e Serra, a presidente venceria novamente, desta vez com 45 por cento dos votos, contra 21 por cento do tucano. Brancos e nulos seriam 21 por cento e indecisos, 13 por cento.

O Ibope ouviu 2.002 eleitores entre 7 e 11 de novembro em 142 municípios. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.

Reportagem de Eduardo Simões

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below