Fraqueza em telecomunicações e energia faz ações europeias recuarem

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 16:03 BRST
 

LONDRES, 27 Jan (Reuters) - As ações europeias fecharam em queda nesta segunda-feira, atingindo o menor nível em mais de um mês, lideradas por importantes papéis dos setores de telecomunicações e energia.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações do continente, recuou 0,82 por cento, para 1.290 pontos.

O movimento desta sessão ampliava a queda da semana passada, o que foi precipitada por temores sobre os mercados emergentes e o ritmo de crescimento na China. Resultados corporativos fracos na Europa também contribuíram para levar as ações para os menores níveis em anos.

Papeis de energia e telecomunicações estiveram entre as piores performances do dia. O índice STOXX Europe 600 Oil & Gas recuou 2,34 por cento diante do recuo de 13,8 por cento da ação da BG, que advertiu que a produção pode ficar abaixo das previsões.

O índice de telecomunicações recuou 1,5 por cento, com o Vodafone recuando após a norte-americana AT&T informar que não estava planejando adquirir o serviço móvel da empresa britânica.

"Continuamos achando que a tendência do mercado é de alta, mas há risco de revés no curto prazo", afirmou o chefe de estratégia global de ações do Goldman Sachs, Peter Oppenheimer.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em baixa de 1,70 por cento, a 6.550 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,46 por cento, para 9.349 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,41 por cento, para 4.144 pontos.   Continuação...