Temer entra com ação por calúnia contra Joesley Batista por entrevista

segunda-feira, 19 de junho de 2017 16:11 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Michel Temer apresentou nesta segunda-feira à Justiça uma notícia crime para processar por calúnia o empresário e delator Joesley Batista, um dos donos da JBS, por tê-lo chamado de "chefe de organização criminosa" em entrevista à revista Época no final de semana.

A ação foi protocolada na Justiça Federal do Distrito Federal, sendo distribuída para a 12ª Vara Federal. A íntegra da ação ainda não foi tornada pública pela Justiça.

No sábado, após a divulgação da entrevista, Temer articulou com aliados uma reação às acusações feitas por Joesley e a ação na Justiça era uma das providências anunciadas.

(Reportagem de Ricardo Brito)

 
Presidente MIchel Temer
30/05/2017
REUTERS/Paulo Whitaker