Desemprego no Brasil cai a 4,9% em novembro e renda sobem, diz IBGE

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012 10:35 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 21 Dez (Reuters) - O desemprego brasileiro caiu para 4,9 por cento em novembro, ante 5,3 por cento em outubro, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira.

Pesquisa da Reuters mostrou que, pela mediana das previsões de 29 analistas consultados, a taxa ficaria em 5,1 por cento no mês passado. As estimativas variaram entre 4,8 e 5,5 por cento.

O resultado é o segundo melhor da série histórica, iniciada em 2002, ficando atrás somente do recorde de 4,7 por cento registrado em dezembro do ano passado.

O IBGE informou ainda que o rendimento médio da população ocupada subiu 0,8 por cento no mês passado ante outubro e 5,3 por cento sobre novembro de 2011, atingindo 1.809,60 reais, maior da série histórica.

Já a população ocupada cresceu 0,4 por cento em novembro na comparação com outubro e 2,8 por cento ante o mesmo período do ano anterior, totalizando 23,463 milhões de pessoas nas seis regiões metropolitanas avaliadas.

A população desocupada chegou a 1,208 milhão de pessoas em novembro, queda de 8 por cento ante outubro e de 3,5 por cento sobre um ano antes. Os desocupados incluem tanto os empregados temporários dispensados quanto desempregados em busca de uma chance no mercado de trabalho.

Entre outubro e novembro, informou o IBGE, os setores que mais contrataram foi o da Construção Civil e Serviços prestados a empresas.

Diante de uma atividade que ainda mostra sinais de dificuldades em deslanchar, o baixo nível de desemprego e o aumento da renda ajudam a evitar desempenhos piores na economia.

A retração dos investimentos e a estagnação do setor de serviços pesaram sobre o Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre, que cresceu apenas 0,6 por cento ante o período anterior.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

 
Operários trabalham na reforma do estádio Mineirão, um dos locais que vai sediar jogos da Copa do Mundo de 2014, em Belo Horizonte. O desemprego brasileiro caiu para 4,9 por cento em novembro, ante 5,3 por cento em outubro, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 16/10/2012 REUTERS/Washington Alves