IPC-S desacelera alta para 0,26% na 3a quadrissemana de fevereiro--FGV

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 08:15 BRT
 

SÃO PAULO, 25 Fev (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) desacelerou para uma alta de 0,26 por cento na terceira quadrissemana de fevereiro, depois de avançar 0,55 por cento no período anterior, informou Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta segunda-feira.

Cinco dos oito grupos que compõem o indicador desaceleraram a alta de preços. O destaque ficou com o grupo Habitação, que registrou queda de 1,87 por cento, após deflação de 1,25 por cento anteriormente.

A principal influência para este movimento partiu do item tarifa de eletricidade residencial, que teve recuo de 17,24 por cento, após queda de 13,39 por cento.

Também registraram decréscimo em suas taxas de variação os grupos Alimentação (1,86 por cento para 1,48 por cento), Educação, Leitura e Recreação (1,97 por cento para 1,15 por cento), Despesas Diversas (2,84 por cento para 1,88 por cento) e Vestuário (-0,03 por cento para -0,20 por cento).

Por sua vez, registraram acréscimo nas taxas de variação os grupos Transportes (0,70 por cento para 0,93 por cento), Saúde e Cuidados Pessoais (0,37 por cento para 0,47 por cento) e Comunicação (0,10 por cento para 0,21 por cento).

A inflação neste ano atrai as preocupações do mercado, com indicadores recentes alimentando apostas de alta da Selic, hoje na mínima história de 7,25 por cento ao ano, ainda neste semestre.

Na sexta-feira, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) surpreendeu em fevereiro ao registrar alta acima do esperado de 0,68 por cento.

(Por Camila Moreira)