Grant e Hurley ganham indenização por fotos em tablóide

quinta-feira, 15 de maio de 2008 12:20 BRT
 

Por Andrew Hough

LONDRES (Reuters) - O ator Hugh Grant, sua ex-namorada Liz Hurley e o novo marido dela receberam milhares de dólares em indenização por danos, na quinta-feira, devido à publicação por tablóides de fotos feitas por paparazzi enquanto eles estavam de férias.

As fotos de Grant, Hurley e o marido desta, o empresário Arun Nayar, num resort particular em Maldivas, constituíram invasão da privacidade deles e lhes causaram angústia, segundo foi dito à Alta Corte de Londres.

As fotos foram feitas por profissionais das agências Big Pictures, britânica, e Eliot Press, francesa.

Elas foram publicadas no jornal News of the World (NoW) e seu rival Mail on Sunday (MoS), em outubro passado.

Hurley, Grant e Nayar aceitaram um total de 58 mil libras a título de indenização por danos decorrentes de invasão de privacidade, além de um pedido público de desculpas das agências.

A advogada dos três (que não estavam no tribunal), Laura Tyler, disse que os artigos publicados pelos jornais causaram sofrimento a seus clientes.

As agências reconheceram que as fotos não deveriam ter sido feitas e que seus atos invadiram a privacidade de Hurley, Grant e Nayar, disse a advogada.

Hugh Grant, 47 anos, é conhecido sobretudo por sua atuação na comédia romântica "Quatro Casamentos e Um Funeral". Ele se separou de Hurley, 42, em 2000, pondo fim a um relacionamento que durou 13 anos e sobreviveu até mesmo ao muito divulgado incidente em que Grant foi flagrado com uma prostituta.

Modelo que atuou em filmes como "Endiabrado" e "Austin Powers", Elizabeth Hurley casou-se em março do ano passado com o empresário Arun Nayar, amigo de vários astros e estrelas de Bollywood.

A cerimônia hindu tradicional de casamento deles, no Estado desértico de Rajastão, seguiu-se a uma semana de festejos após o casamento civil, celebrado uma semana antes num castelo na Inglaterra.