Presidente do concurso quer destituir Miss França de sua coroa

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007 18:49 BRST
 

PARIS (Reuters) - A presidente do concurso de beleza Miss França declarou na sexta-feira que quer que a vencedora do prêmio de 2008 devolva sua coroa, depois de uma revista publicar fotos sugestivas da modelo de 22 anos.

"Se ela tivesse coragem e um pouco de dignidade, diria 'vou renunciar porque não sou digna de continuar sendo Miss França"', declarou a chefe do comitê Miss França, Genevieve de Fontenay, à rádio Europe 1.

Valerie Begue, natural da ilha francesa de Reunion, no Oceano Índico, foi eleita Miss França 2008 em programa de televisão no início do mês. Ela descartou a possibilidade de renunciar ao título, dizendo que as fotos foram publicadas sem seu consentimento.

As fotos mostram a morena de biquíni boiando numa piscina sobre um crucifixo de madeira, em pose semelhante à de Cristo. Em outra foto, ela aparece lambendo leite condensado de maneira provocante.

As candidatas à coroa de Miss França são obrigadas a assinar um contrato dizendo que nunca foram fotografadas nuas ou em poses sugestivas.

"Se eu tivesse tido conhecimento das fotos, ela jamais teria sido admitida no concurso para Miss França. Eu não iria querer ser vista andando na rua na companhia de uma moça como ela", disse Fontenay, indicando que, se for preciso, vai recorrer à Justiça.

Não é a primeira vez que os organizadores do concurso se sentem constrangidos por sua miss. A Miss França 2004, Laeticia Bleger, foi suspensa por seis meses depois da publicação de fotos dela pela revista Playboy.