Morre aos 75 anos Roy Scheider, ator de "Tubarão"

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008 10:53 BRST
 

Por Steve Gorman

LOS ANGELES (Reuters) - O ator Roy Scheider, duas vezes indicado ao Oscar e conhecido sobretudo pelo papel de chefe de polícia de uma pequena cidade litorânea em "Tubarão" e pelo retrato que fez do famoso coreógrafo Bob Fosse em "O Show Deve Continuar" ("All That Jazz"), morreu no domingo aos 75 anos.

Scheider morreu de complicações decorrentes de mieloma múltiplo, um câncer das células sanguíneas, no Instituto de Pesquisas e Terapia de Mieloma da Universidade de Ciências Médicas do Arkansas, anunciou a porta-voz do hospital, Leslie Taylor.

Ela disse que o ator vinha sendo tratado da doença no instituto em diversos momentos dos últimos dois anos.

Ator de formação clássica e natural de Nova Jersey, Scheider com frequência representou policiais ou homens comuns pressionados por circunstâncias extraordinárias.

Ele recebeu sua primeira indicação ao Oscar pelo papel coadjuvante de detetive de narcóticos, parceiro de Gene Hackman, no drama policial "Operação França", de 1971.

Oito anos depois, foi indicado ao Oscar de melhor ator por representar o mulherengo Joe Gideon, alter ego de Bob Fosse, no semi-autobiográfico "O Show Deve Continuar", escrito e co-dirigido pelo próprio Fosse.

Mas é possível que Scheider seja reconhecido sobretudo pelo papel do intrépido chefe de polícia de uma cidadezinha turística à beira-mar que sai à caça do tubarão gigante, comedor de humanos, no blockbuster "Tubarão", de Steven Spielberg.

Uma de suas falas mais memoráveis desse filme -- "Vocês vão precisar de um barco maior" -- foi incluída na 35a posição na lista das maiores frases citadas de filmes do American Fil Institute.   Continuação...