Irmãos Coen são eleitos melhores diretores de 2007 por colegas

domingo, 27 de janeiro de 2008 11:17 BRST
 

Por Mary Milliken

LOS ANGELES (Reuters) - O Directors Guild of America, sindicato que reúne os diretores de cinema dos Estados Unidos, escolheu no sábado Ethan e Joel Coen como melhores diretores de longa-metragem de 2007 pelo drama policial "Onde os Fracos Não Têm Vez", um prêmio conhecido por antecipar os cineastas que ganharão os principais Oscars.

Sob o espectro da greve dos roteiristas, que deixou Hollywood paralisada por quase três meses, os irmãos Coen derrotaram quatro outros candidatos, incluindo Paul Thomas Anderson por "Sangue Negro", sobre o enriquecimento de um magnata do petróleo na Califórnia, e Sean Penn com sua aventura "Na Natureza Selvagem".

"É muito bom ter o reconhecimento da crítica e até do público, mas há algo especial em ser reconhecido por pessoas que fazem o mesmo que você", disse Joel Coen, que fez filmes marcantes como "Fargo" e "Sangue por Sangue" com seu irmão nas últimas duas décadas.

"Onde os Fracos Não Têm Vez" foi indicado para oito Oscars, incluindo melhor filme, melhor diretor e melhor ator coadjuvante para Javier Bardem, no papel de um sinistro matador.

O DGA representa os diretores de filmes e programas de televisão e, desde que começou a dar o prêmio de melhor diretor, em 1949, apenas seis vencedores deixaram de ganhar o Oscar no mesmo ano.

 
<p>Diretores Ethan e Joel Coen falando a jornalistas ap&oacute;s serem eleitos os melhores diretores de 2007 pelo 60th Annual Directors Guild of America Awards, um pr&ecirc;mio conhecido por antecipar os cineastas que ganhar&atilde;o os principais Oscars. Photo by Mario Anzuoni</p>