Britney e Federline negociam guarda dos filhos

sexta-feira, 27 de junho de 2008 17:23 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - Britney Spears e seu ex-marido Kevin Federline deram início a audiências de mediação para elaborar um acordo sobre a guarda de seus dois filhos e, assim, evitar o julgamento marcado para agosto, revelou o advogado de Federline.

O ex-marido de Britney deseja manter algum tipo de guarda legal e física sobre os meninos ao mesmo tempo em que permitiria à mãe deles algum envolvimento na vida dos garotos "de uma forma bastante substancial e significativa", disse na sexta-feira, ao programa E! News (www.eonline.com), Mark Vincent Kaplan, advogado de Federline.

Britney, 26, perdeu a guarda de Sean Preston, 2 anos e meio de idade, e James Jayden, 21 meses, em janeiro depois de ter ficado internada por duas vezes, durante breves períodos, para se submeter a exames psiquiátricos.

As internações significaram um novo momento de crise na vida da ex-popstar adolescente depois de um ano marcado por comportamentos bizarros.

Desde então, porém, Britney conseguiu dar provas de ter se recuperado e, nesta semana, recebeu autorização da Justiça para passar a noite com seus filhos, o que se soma às visitas realizadas durante o dia, duas vezes por semana, atualmente.

A questão da guarda permanente deve ser decidida em uma corte da Justiça de Família em Los Angeles, em agosto. Mas o casal divorciado começou a negociar por meio de mediadores, nesta semana.

"Kevin tenta manter a guarda legal e física em caráter exclusivo, de que já dispõe. Não haverá nada mágico como algo dividido meio a meio", afirmou Kaplan ao E! News em uma entrevista que deve ir ao ar no canal de TV E!, na sexta-feira à noite.

(Por Jill Serjeant)