Moda masculina é livre, leve e solta nas passarelas de Nova York

quarta-feira, 23 de julho de 2008 15:12 BRT
 

Por Ellen Wulfhorst

NOVA YORK (Reuters) - A julgar pelas tendências mais recentes da moda masculina expostas esta semana em Nova York, os homens devem ter muito tempo livre, frequentar festas chiques e trabalhar em ocupações artísticas nas quais podem vestir o que bem entenderem.

Camisas folgadas, camisetas amassadas, blusões do tipo universitário e sapatos casuais deram o tom no Mens Runway (passarela masculina), em Nova York.

O evento de dois dias visa criar um espaço próprio para a moda masculina, em lugar de deixá-la se perder em meio ao frenesi de desfiles femininos que dominam a Semana de Moda de primavera e outono em Nova York.

De acordo com experts em moda, os looks mostrados no Mens Runway eram para homens que desejam um visual e estilo de vida casual e sofisticado, mas que não necessariamente têm isso.

Para os especialistas, os looks guardam pouca relação com o mundo real, carregado de preços em alta e insegurança no emprego.

"É o jeito como os homens querem ser, não tanto como precisam ser", disse Candace Corlett, presidente da WSL Strategic Retail. "Com as mulheres, é a mesma coisa. Na moda, elas querem ser muito mais glamourosas do que são de fato ou que precisam ser."

"A maioria dos homens está usando terno ou paletó para o trabalho e fica em casa nos fins de semana. Mas, pelo menos por um instante, os homens querem usar roupa casual de grife."

Brincando com esse desejo, o estilista Andrew Holden, da Conference of Birds, reuniu moda casual, de trabalho e formal em camadas descontraídas.   Continuação...