Álbum de Kylie Minogue é fracasso de vendas nos Estados Unidos

sexta-feira, 11 de abril de 2008 18:04 BRT
 

Por Dean Goodman

LOS ANGELES (Reuters) - Apesar de um programa de divulgação mais forte que o comum, Kylie Minogue não conseguiu emplacar nos Estados Unidos seu primeiro álbum em quatro anos.

"X" é o décimo álbum da cantora pop australiana e o quarto a ser lançado nos EUA. O álbum estreou na 139a posição da lista Billboard 200, com vendas de apenas 6.000 cópias, segundo a Nielsen SoundScan.

Seu álbum anterior, "Body Language", estreou na 42a posição em 2004, vendendo 43 mil exemplares. Dois anos antes disso, "Fever" tinha estreado na terceira posição, depois de vender 114.700 cópias.

Em 2005, Kylie Minogue descobriu que tinha um câncer de mama e passou dois anos em recesso. Ela esteve nos EUA na semana do lançamento de "X", em 1o de abril, dando entrevistas na TV aos programas "Today", da NBC, "The Late Late Show with Craig Ferguson", da CBS, e "Ellen DeGeneres Show", transmitido por vários canais.

Além disso, cantou no "Dancing with the Stars", da ABC, que foi visto por mais de 17 milhões de pessoas.

"X" foi lançado internacionalmente em novembro passado, quando estreou na segunda posição nas paradas britânicas e na primeira na Austrália -- seu terceiro álbum a ser Número 1 em seu país.

Kylie Minogue inicia uma turnê européia na França, em 6 de maio. Não foram anunciadas apresentações nos EUA.

A fama internacional da cantora não se repete nos EUA, onde álbuns como "Light Years" (2000) e "Enjoy Yourself" (1990) nem sequer foram lançados. A única outra vez em que ela constou na Billboard 200 foi com seu álbum de estréia, "Kylie", de 1988, que chegou à 53a posição.   Continuação...