Autora de "Harry Potter" vai a tribunal de NY para barrar livro

segunda-feira, 14 de abril de 2008 16:07 BRT
 

Por Christine Kearney

NOVA YORK (Reuters) - A autora dos livros "Harry Potter", J.K. Rowling, disse nesta segunda-feira que a tentativa de um fã de publicar uma enciclopédia não autorizada sobre o jovem mago a deixou sem a certeza de que terá ânimo para lançar sua própria versão.

Steve Vander Ark escreveu "The Harry Potter Lexicon", um livro de referência de 400 páginas baseado em seu popular site de fãs www.hp-lexicon.org. Rowling e a Warner Bros. estão processando a RDR Books, que planejou publicar o livro em novembro passado.

Rowling, 42 anos, disse que tem planos de lançar sua própria enciclopédia Harry Potter, que incluiria materiais que não entraram nos livros, e doar os lucros para organizações beneficentes. Os livros Harry Potter já venderam mais de 400 milhões de cópias.

"O sr. Vander Ark destruiu esse livro (a enciclopédia planejada)", disse Rowling a um tribunal de Nova York. "Ele simplesmente o pegou e copiou. (O trabalho dele) é malfeito e preguiçoso e plagiou meu trabalho ao atacado."

"Ele roubou minha criação. Sinto isso como uma traição", disse ela. Rowling disse ainda que não tem certeza agora se ainda tem "a disposição e o ânimo" de lançar sua própria enciclopédia.

A ação aberta em outubro cita como réus a editora norte-americana independente RDR Books e pessoas não identificadas.

A ação visa impedir a publicação e, se forem feitos lucros, pede indenização por danos por infração de direitos autorais e marca registrada federal.

A Warner Bros. é uma unidade da Time Warner Inc, dona dos direitos autorais e da marca registrada dos livros Harry Potter.   Continuação...