Christian Bale escapa de condenação por briga familiar

quinta-feira, 14 de agosto de 2008 17:14 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O ator Christian Bale, que foi Batman em dois filmes, não será acusado de delito, depois de sua mãe e irmã alegarem que ele as agrediu em um hotel de Londres no mês passado, anunciou na quinta-feira a promotoria britânica.

O ator de 34 nascido no País de Gales e que está sendo visto nos cinemas no momento no papel principal de um dos maiores sucessos de Hollywood, "Batman -- O Cavaleiro das Trevas", foi liberado sob fiança no final de julho, depois de ser interrogado pela polícia londrina, sem formulação de acusações.

O incidente ocorreu no momento em que "Cavaleiro das Trevas" estreava na Europa.

"Levando todos os fatores em conta, tomou-se a decisão de que as evidências são insuficientes para uma possibilidade realista de condenação. Logo, a polícia foi informada de que não serão tomadas medidas judiciais contra Bale", disse a promotoria.

"Embora a promotoria leve a sério todos os incidentes que ocorrem em contextos domésticos, é importante que a visão dos envolvidos também seja levada em conta quando se tomam decisões sobre casos como esses".

O filme mais recente sobre Batman quebrou recordes de bilheteria ao faturar quase 160 milhões de dólares em seus três primeiros dias em cartaz nos cinemas norte-americanos.