Heath Ledger está assustador em "O Cavaleiro das Trevas"

segunda-feira, 30 de junho de 2008 17:03 BRT
 

Por Iain Blair

LOS ANGELES (Reuters) - Chris Nolan contratou o ator Heath Ledger para representar um vilão assustador cuja vida caótica ameaça o público, e o diretor do novo filme de Batman, "O Cavaleiro das Trevas", disse que conseguiu exatamente o que queria.

O filme é uma das últimas aparições na tela grande do ator indicado ao Oscar que morreu janeiro, aos 28 anos, de overdose acidental de drogas, e a representação que ele faz do malévolo Coringa fascinou o público nas primeiras sessões do filme.

"Nós dois vimos o papel sob a mesma ótica", disse Nolan à Reuters no domingo. "Tinha que ser muito assustador -- uma força anárquica, uma pessoa dedicada ao caos e à idéia de destruir o mundo à sua volta para sua própria diversão."

Numa sessão do filme realizada no sábado em Los Angeles para jornalistas, o elenco e a equipe técnica, houve manifestações de choque de algumas pessoas quando o maligno Coringa primeiro apareceu na tela, durante um tenso assalto de banco na sequência inicial.

Com seus cabelos desgrenhados, rosto branco e marcado por cicatrizes, olhos manchados de preto e batom vermelho aplicado como se fosse por uma mão embriagada -- tudo isso ainda mais perturbador pelo fato de ser acompanhado de camisa e gravata ordeiros. Ledger parecia ter mergulhado em seu interior para buscar seus demônios mais sombrios e profundos, canalizando-os para a caracterização de um anti-herói maligno. No filme baseado na HQ "Batman", Coringa orquestra uma série de assassinatos, sequestros e explosões de bombas para tentar deixar Nova York de joelhos, e cabe a Batman (Christian Bale) impedi-lo.

O Coringa recriado por Ledger está muito distante de sua versão semicômica apresentada por Jack Nicholson em "Batman," de 1989.

LEGADO

Nolan disse que o retrato feito por Ledger de um caubói gay taciturno em "O Segredo de Brokeback Mountain", de 2005, que valeu ao ator uma indicação ao Oscar, o fez pensar que ele seria capaz de fazer qualquer papel.   Continuação...