Michael Jackson diz que embargo de rancho Neverland foi evitado

domingo, 11 de maio de 2008 17:46 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O músico Michael Jackson disse no domingo que a venda de seu confiscado rancho Neverland (Terra do Nunca), programada para esta semana, foi evitada após um financiamento da propriedade na Califórnia ter sido vendido para a Colony Capital, uma grande empresa de investimentos imobiliários.

O empréstimo é de cerca de 23,5 milhões de dólares, de acordo com um fonte.

Em um comunicado à imprensa, Michale Jackson disse que estava discutindo com a Colony e seu fundador, Tom Barrack Jr., "a respeito do rancho e outros assuntos".

Representantes de Jackson e da Colony não deram mais detalhes.

Cantor e compositor de sucesso, Michale Jackson teve sua carreira arranhada por acusações de abuso sexual de crianças em 2005. Embora tenha sido absolvido de todas as acusações, ele enfrenta problemas financeiros significativos nos últimos anos.

(Reportagem de Dane Hamilton)