Clint Eastwood dirige Jolie em drama sobre filho perdido

terça-feira, 20 de maio de 2008 13:35 BRT
 

Por Mike Collett-White

CANNES (Reuters) - Clint Eastwood dirige Angelina Jolie num emocionante drama dos anos 1920 baseado na história verídica de uma mulher cuja busca por seu filho desaparecido a obrigou a enfrentar a polícia de Los Angeles e um serial killer de crianças.

Houve uma certa confusão nesta terça-feira sobre o título do filme, um dos 22 da competição principal do Festival de Cinema de Cannes deste ano. O título original em inglês era "The Changeling", mas foi mudado para "The Exchange" (no Brasil, será "A Troca").

Baseado em arquivos da prefeitura de Los Angeles que estavam prestes a ser destruídos quando o roteirista J. Michael Straczynski os resgatou, depois de receber uma informação a respeito, a história trata de uma mulher da classe trabalhadora, Christine Collins, cujo filho de 9 anos desaparece.

A polícia, que precisa desesperadamente de publicidade positiva, diz que encontrou o garoto, mas, quando Collins insiste que o menino encontrado não é seu filho, ela é sujeita a uma campanha difamatória e internada numa clínica psiquiátrica por cinco dias.

Com a ajuda de um pastor carismático representado por John Malkovich, ela parte em busca da verdade e, com isso, acaba expondo a corrupção e incompetência da força policial.

Em separado, um serial killer de crianças é capturado, e duas histórias diferentes acontecem.

"Com sua tenacidade, essa mulher derrubou todo o departamento de polícia e a estrutura policial da cidade. O prefeito não foi reeleito", disse Eastwood após a sessão em que "A Troca" foi exibido para a imprensa e aplaudido com entusiasmo.

Jolie, que já é mãe e está grávida de gêmeos, disse que o papel de Collins foi difícil de representar. A atriz de 32 anos começou a trabalhar com Clint Eastwood pouco depois de fazer "O Preço da Coragem", em que representou a mulher grávida do jornalista assassinado Daniel Pearl.   Continuação...

 
<p>Clint Eastwood dirige Jolie em drama sobre filho perdido. Clint Eastwood e Angelina Jolie no festival de cinema de Cannes. Eastwood dirige Angelina Jolie num emocionante drama dos anos 1920 baseado na hist&oacute;ria ver&iacute;dica de uma mulher cuja busca por seu filho desaparecido a obrigou a enfrentar a pol&iacute;cia de Los Angeles e um serial killer de crian&ccedil;as. 20 de maio. Photo by Eric Gaillard</p>