"Indiana Jones" se junta ao Banco Mundial para salvar tigres

segunda-feira, 9 de junho de 2008 18:17 BRT
 

Por Lesley Wroughton

WASHINGTON (Reuters) - Os atores Harrison Ford, Bo Derek e Robert Duvall aderiram nesta segunda-feira a uma nova iniciativa global do Banco Mundial para salvar os tigres da extinção.

Embora o foco da agência seja a luta contra a pobreza, em algumas ocasiões o Banco Mundial também participa de projetos em prol de espécies ameaçadas.

A Iniciativa de Conservação dos Tigres reunirá especialistas ambientais, cientistas e governos para tentar conter a caça e o tráfico de peles, carne e outras partes dos animais, usadas especialmente em medicamentos tradicionais asiáticos.

Ford, ativista de longa data e estrela da série de filmes do arqueólogo "Indiana Jones", disse que os esforços só vão dar certo se as comunidades locais estiverem envolvidas na conservação.

"Ao se comprometer a ajudar os tigres selvagens, o Banco Mundial está anunciado sua intenção de ser um líder global na conversação da biodiversidade", disse Ford no evento do Zoológico Nacional Smithsonian, de Washington.

Robert Zoellick, presidente do Banco Mundial, qualificou de "chocante" o declínio no número de tigres nos últimos cem anos -- de mais de 100 mil a menos de 4.000.

O desmatamento e a urbanização são as principais causas da ameaça aos tigres na Ásia Central, na China e nas ilhas indonésias de Bali e Java.

 
<p>'Indiana Jones' se junta ao Banco Mundial para salvar tigres. Os atores Harrison Ford, Bo Derek e Robert Duvall aderiram a uma nova iniciativa global do Banco Mundial para salvar os tigres da extin&ccedil;&atilde;o. 9 de junho. Photo by Kevin Lamarque</p>