J.K. Rowling diz que livro não oficial sobre Potter a exploraria

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008 11:44 BRT
 

Por Christine Keaney

NOVA YORK (Reuters) - J. K. Rowling, a bilionária autora dos livros de Harry Potter, se sentiria "explorada" caso uma enciclopédia extra-oficial sobre o menino bruxo compilada por um fã fosse publicada, de acordo com documentos judiciais divulgados na quinta-feira.

Steve Vander Ark escreveu "The Harry Potter Lexicon", uma obra de referência de 400 páginas que toma por base o seu popular site (www.hp-lexicon.org) para fãs dos livros. Rowling e a Warner Bros. estão processando a RDR Books, que planejava publicar o livro em novembro passado.

"Fico muito frustrada por um antigo fã ter tentado aproveitar meu trabalho para ganhar dinheiro", disse Rowling, 42, autora dos sete romances da série Harry Potter, todos imensos sucessos, em declaração enviada a um tribunal distrital norte-americano esta semana.

"Acredito que o livro da RDR constitua uma forma de explorar Harry Potter, algo que passei anos tentando evitar, e tanto eu, como criadora desse mundo, quanto os fãs de Harry Potter seríamos explorados caso ele seja publicado", ela alegou.

O processo aberto em outubro aponta a RDR Books, uma editora independente do Michigan, e pessoas não identificadas como acusados. O objetivo é impedir a publicação do livro, e a ação também solicita indenização por violação de direitos autorais e de marcas registradas, caso quaisquer lucros venham a ser obtidos.

Rowling afirmou que tem planos para escrever sua enciclopédia sobre Harry Potter, que incluiria material que não chegou aos romances, e que as receitas das vendas desse livro seriam doados a obras de caridade. Os romances da escritora venderam mais de 400 milhões de cópias.

"Sinto-me muito protetora, primeiro do mundo literário a cuja criação dediquei tanto tempo, e em segundo lugar dos fãs, que adquiriram meus livros em números tão impressionantes", disse a escritora, classificada pela revista Forbes como a 48 celebridade mais poderosa do mundo.

A RDR Books diz que o bibliotecário Vander Ark já fez palestras sobre Harry Potter em conferências acadêmicas no Reino Unido, Canadá e Estados Unidos, e que uma cronologia desenvolvida por ele foi usada pela Warner Bros. nos DVDs de Harry Potter.