Veteranos de Hollywood criam estúdio que ajudará principiantes

segunda-feira, 21 de abril de 2008 12:32 BRT
 

Por Michele Gershberg

NOVA YORK (Reuters) - Um produtor de cinema aclamado e o ex-presidente da Fox Television Entertainment criaram um tipo novo de estúdio que quer atrair a comunidade de candidatos a cineastas na Web, visando cultivar os próximos grandes talentos.

Deepak Nayar, que produziu filmes como "Buena Vista Social Club" e "Driblando o Destino", e Sandy Grushow, ex-presidente do Fox Television Entertainment Group, estão lançando o estúdio Filmaka (www.filmaka.com) na segunda-feira, depois de passar mais de um ano testando o site e recrutando cineastas profissionais de todo o mundo.

O site pede videoclipes curtos para um concurso cujos juízes são alguns dos maiores nomes do cinema --os diretores Werner Herzog, Wim Wenders, Paul Schrader--, além de um público de internautas regulares.

Na próxima semana o site vai anunciar o vencedor de seu concurso de filmes, que vai dirigir um longa-metragem produzido pela Filmaka, sediada em Los Angeles.

Entre os finalistas estão um clipe britânico em clima de suspense sobre um agente secreto que usa seu olfato apurado para memorizar informações secretas, mas erra quando confunde os dados com memórias olfativas nostálgicas de sua namorada.

"Queremos dar apoio aos talentos e construir suas carreiras", disse à Reuters o executivo-chefe da Filmaka, Nayar, em entrevista concedida em Nova York. "Este é o lugar onde qualquer pessoa, de qualquer lugar do mundo, pode ter essa oportunidade."

Para os novatos no mundo do cinema, o site oferece uma nova porta de entrada a Hollywood. O vencedor do concurso será apresentado à agência William Morris, com a possibilidade de ser representado por ela. A Filmaka já recebeu vídeos de quase 3.600 cineastas principiantes de 95 países.

A empresa também está trabalhando para montar um site em língua local na Índia e estuda a possibilidade de fazer algo semelhante no Japão. No momento, está produzindo 40 seriados na Web, com cineastas de dez países.