Pinguins voadores enganam britânicos no 1o de abril

terça-feira, 1 de abril de 2008 13:54 BRT
 

Por Paul Casciato e Belinda Goldsmith

LONDRES/SYDNEY (Reuters) - Pinguins voadores, sátiras de chefes de Estado e um carro que afasta cachorros de bexiga cheia lideraram a lista de brincadeiras feitas neste 1o de abril, Dia da Mentira, feitas pelo mundo afora.

Um vídeo da BBC com pinguins voadores foi uma das muitas piadas do dia na Grã-Bretanha, que incluíram o chef Gordon Ramsay e um anúncio de página inteira da BMW.

O jornal Independent publicou que o chef Ramsay, conhecido pelo uso excessivo de palavrões, foi proibido de usar palavreado chulo em todos seus restaurantes, depois de as autoridades australianas terem lhe recusado autorização para abrir um restaurante, alegando "motivos de decência".

O anúncio da BMW, publicado por vários jornais, anunciou a introdução do Repelente Canino em seus carros, um sistema que supostamente daria um choque elétrico em qualquer cachorro que pudesse ter a idéia de esvaziar sua bexiga na roda de um BMW.

Lembrando a visita do chefe de Estado francês à Inglaterra na semana passada, o The Sun disse que o presidente baixinho Nicolas Sarkozy será esticado cinco polegadas para ajudá-lo a enxergar os fatos com a mesma visão de sua mulher, a modelo Carla Bruni.

Os cipriotas acordaram lendo no Cyprus Mail a "notícia" de que o Parlamento Europeu lançou uma nova tecnologia que garante oito horas de sono todas as noites, além de permitir que os empregadores rastreiem seus funcionários sonolentos.

Na Austrália, várias empresas e organizações de mídia entraram no clima do 1o de abril com brincadeiras que são autorizadas até o meio-dia.

A segunda maior companhia aérea australiana, Virgin Blue, publicou um anúncio em jornais de todo o país dizendo "Fique em Pé e Ganhe um Desconto", em que ofereceu bilhetes com desconto de 50 por cento para passageiros que se dispusessem a passar vôos de mais de duas horas em pé, ganhando massagens gratuitas nas panturrilhas.   Continuação...