Brad Pitt consegue ordem de restrição contra ucraniano

quinta-feira, 29 de maio de 2014 21:48 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A polícia emitiu nesta quinta-feira uma ordem de restrição contra o ucraniano que atingiu o ator Brad Pitt no rosto quando ele dava autógrafos na pré-estreia em Los Angeles de "Malévola", o novo filme da Disney estrelado pela companheira do ator, Angelina Jolie.

Pitt, de 50 anos, entrou com um pedido de ordem de proteção emergencial contra Vitalii Sediuk, de 50 anos, depois que ele pulou a grade na pré-estreia de "Malévola" e acertou o ator, afirmou a porta-voz da polícia de Los Angeles Wendy Reyes.

Sediuk, que é uma personalidade da televisão no seu país, foi detido, com fiança estabelecida em 20 mil dólares. Pitt não ficou ferido.

O ucraniano é famoso por atacar celebridades nos tapetes vermelhos e em eventos. Mais recentemente, ele invadiu o tapete vermelho do prestigiado Festival de Cinema de Cannes, na França, para tentar agarrar o vestido da atriz America Ferrera enquanto ela posava para fotógrafos, mas foi contido pelos seguranças.

Nas investidas anteriores, Sediuk agarrou o ator Leonardo DiCaprio perto da virilha em um evento do Festival de Filmes de Santa Barbara; invadiu o palco durante o discurso de aceitação do Grammy da cantora Adele e foi estapeado por Will Smith depois de beijar o ator em uma pré-estreia em Moscou.

(Reportagem de Piya Sinha-Roy)

 
O ator Brad Pitt participa da pré-estreia de "Malévola", em Hollywood, na Califórnia, na quarta-feira. 28/05/2014 REUTERS/Mario Anzuoni