ESTREIA-“Violetta: O Show” acompanha a turnê do elenco da novela teen

quarta-feira, 25 de junho de 2014 17:01 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Dentro de poucos dias, será o aniversário de 50 anos do lançamento de “Os Reis do Iê-Iê-Iê” (1964), primeiro filme realizado pelos Beatles, em que a banda, seguindo o caminho trilhado por Elvis Presley, confirmou o potencial de promoção do cinema para suas músicas.

Desde então, foram vários os grupos e artistas que se aproveitaram da telona como forma de amplificar seus sucessos. E, nos últimos anos, há um fenômeno de musicais que documentam as turnês de lendas do rock, como U2 e Metallica, mas principalmente de sensações pop, a exemplo de Jonas Brothers, Justin Bieber, Katy Perry e One Direction, e até de shows derivados das séries televisivas “Hannah Montana” (2006-2011) e “Glee” (2009-).

A Disney não perderia a chance de pegar carona nessa onda com seu mais novo sucesso, “Violetta” (2012-), novela argentina – coprodução dos Disney Channel’s Latino, Europa, Oriente Médio e África, com uma produtora local – que tem alcançado bons números de audiência e altos lucros no mercado internacional.

O êxito da história da garota superprotegida pelo pai, vivida por Martina Stoessel, que volta a Buenos Aires, onde encontra amigos, o amor e seu talento para a música, motivaram a excursão do elenco jovem da atração pela América Latina e Europa, entre o final do ano passado e início deste.

O que originou o filme “Violetta: O Show” (2014), de Mathew Amos, diretor de outros concertos, premiações musicais e videoclipes.

Quem for assistir ao registro cinematográfico deve se preparar para gritos, gritos e mais gritos: sejam os da plateia italiana do show em Milão, onde foram gravados os números musicais apresentados no documentário, até os possíveis berros do público infanto-juvenil nas salas de cinema daqui.

De qualquer modo, para quem já foi muito fã de alguma banda ou artista na adolescência, é impossível não se identificar com as meninas histéricas pelo galã da novela – Jorge Blanco que interpreta o protagonista León – que, além de estarem vestidas a caráter, com faixinha na cabeça e tudo, sabem todas as canções de cor e acenam efusivamente para as câmeras.

No mínimo, o espectador poderá compadecer-se dos pais que aparecem na tela, que acompanham fielmente seus filhos nos sonhos deles em relação aos seus ídolos.

Por isso, o longa-metragem já começa com os depoimentos em off do elenco multinacional do programa – além dos argentinos, há espanhóis, mexicanos, uma italiana e até o brasileiro Samuel Nascimento – falando da emoção de entrar no palco, com os gritos do público e coisas afins.   Continuação...