Phil Collins doa coleção do Álamo a local da batalha histórica

quinta-feira, 26 de junho de 2014 20:24 BRT
 

Por Jim Forsyth

SAN ANTONIO Estados Unidos (Reuters) - O músico Phil Collins, vencedor de vários prêmios Grammy, declarou nesta quinta-feira que a riqueza conquistada com a arte lhe permitiu satisfazer um antigo fascínio pelo Álamo e que irá doar sua ampla coleção de artefatos da batalha de 1836 para um museu no Texas.

Collins, de 63 anos, disse ter ficado fascinado com a história do Álamo quando era criança, nos anos 1950, e assistia ao seriado de TV "Davy Crockett, King of the Wild Frontier", estrelado por Fess Parker. A série conta a história de Crockett, lenda da fronteira que morreu defendendo o Álamo.

Collins reuniu a maior coleção particular de curiosidades sobre a Revolução Texana e a Batalha do Álamo.

“Algumas pessoas comprariam Ferraris, outras casas antigas, eu comprei pedaços velhos de metal e de papel”, disse o ex-baterista e vocalista do Genesis e autor de sucessos como "Against All Odds" e "Another Day in Paradise" na carreira solo, a repórteres diante da famosa estrutura em San Antonio, no Texas. Ele mantinha os itens em sua casa na Suíça.

A coleção inclui peças raras como um rifle de Crockett e uma das facas originais de Jim Bowie, um dos defensores do Álamo, informou o Comissário da Terra do Texas, Jerry Patterson, cujo escritório administra o Álamo.

“Eu era como um cão com dois rabos, como se diz na Inglaterra”, declarou Collins. “O lugar exato onde minha coleção deveria estar sediada é o lugar de onde ela veio”.

A coleção será exibida de forma rotativa no Álamo, onde a versão da batalha comumente ensinada nas escolas norte-americanas sustenta que Crockett e o resto dos 160 homens lutando pela independência do Texas foram mortos em combate.

As peças começarão a chegar ao Texas nos próximos meses.