Roteirista Lola Salvador vence o Prêmio Nacional de Cinematografia da Espanha

terça-feira, 15 de julho de 2014 17:19 BRT
 

MADRI (Reuters) - Lola Salvador, roteirista dos famosos filmes "El Crimen de Cuenca" e "Las Bicicletas son para el Verano", recebeu nesta terça-feira o Prêmio Nacional de Cinematografia por sua trajetória na indústria do cinema, anunciou o Ministério da Cultura da Espanha em um comunicado.

O júri, que concedeu o prêmio de 30 mil euros por unanimidade, ressaltou "sua singular contribuição à criação cinematográfica e sua longa trajetória como mestra de cineastas", acrescentou o comunicado.

Salvador, que em 2011 recebeu a Medalha de Ouro ao Mérito nas Belas Artes, também viu reconhecido "seu compromisso constante com o cinema no âmbito educativo e sua contribuição decisiva à defesa coletiva do setor e aos direitos dos criadores".

A barcelonesa vem exercendo uma carreira multifacetada como roteirista, escritora e produtora. Em 1979 escreveu o romance "El Crimen de Cuenca", baseada no roteiro que ela mesma havia escrito para o filme de Pilar Miró, e em 1988 a trilogía "El Olivar de Atocha", que virou série de televisão.

Também é autora, entre outros, dos roteiros de "Bearn o la Sala de Muñecas" (1984) e de "Tierno Verano de Lujurias y Azoteas" (1993).

Entre os premiados dos anos anteriores estão os diretores Juan Antonio Bayona, Pedro Almodóvar e Mario Camus, e os atores Francisco Rabal, Carmen Maura e Javier Bardem.