Algum Picasso falso por aí? Polícia austríaca busca vítimas de fraude

terça-feira, 16 de setembro de 2014 13:00 BRT
 

VIENA (Reuters) - Os amantes da arte que suspeitam ter comprado telas falsas de Pablo Picasso devem entrar em contato com a polícia austríaca, que busca vítimas de uma gangue sérvia especializada em falsificação de obras de arte.

O grupo operava a partir de uma café em Viena, oferecendo aos clientes diversas obras de Picasso falsas, acompanhadas de certificados de autenticidade forjados, disse a polícia da capital austríaca nesta terça-feira.

Eram cobrados 300 mil euros (388,4 mil dólares) por obra.

A gangue foi presa neste ano, disse o comunicado da polícia, mas não ficou imediatamente claro quantas pessoas devem ter caído no golpe.

(Reportagem de Shadia Nasralla)

 
Mulher tira foto da obra "Tete de femme" antes de um leilão da Christie's, em Xangai, na China. 24/05/2014.  REUTERS/Aly Song