Príncipe William e Kate fazem primeira visita oficial a Nova York

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014 10:31 BRST
 

Por Barbara Goldberg

NOVA YORK (Reuters) - O príncipe William, da Grã-Bretanha, e sua esposa, Kate, chegaram no domingo a Nova York para sua primeira visita, que terá uma agenda intensa incluindo aparições em um centro de desenvolvimento infantil no bairro do Harlem e no monumento e museu do 11 de Setembro.

O duque e a duquesa de Cambridge, como são conhecidos oficialmente desde que se casaram em 2011, chegam no momento em que a cidade enfrenta manifestações de rua contra a violência policial todas as noites.

Os protestos, que ocasionaram breves bloqueios de cruzamentos e pontes, podem interromper o tráfego durante a visita e despertar novos temores de segurança, embora não tenha havido nenhum episódio grave de violência em Nova York até agora.

O casal irá passar algum tempo separado quando William for à Casa Branca nesta segunda-feira para um encontro com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

O príncipe também deve participar de uma conferência em Washington sobre o tráfico ilegal de marfim e outros contrabandos envolvendo animais.

A primeira-dama de Nova York, Chirlane McCray, irá acompanhar Kate quando ela se encontrar com jovens do Centro para o Desenvolvimento Infantil Northside, no Harlem, que oferece serviços de saúde e de educação para famílias que vivem em vizinhanças de alto risco.

O centro, que visa em parte combater o racismo, foi fundado por pesquisadores cujos estudos pioneiros foram citados no famoso caso Brown versus Conselho de Educação, no qual o Supremo Tribunal dos EUA declarou que a segregação em escolas públicas é inconstitucional.

Na noite desta segunda-feira, o casal real irá ao bairro do Brooklyn para assistir a um jogo de basquete da NBA entre o Brooklyn Nets e o Cleveland Cavaliers, no Barclays Center.   Continuação...

 
Príncipe William e a esposa, Cate, chegam ao hotel Carlyle, em Nova York. 07/12/2014 REUTERS/Neilson Barnard/Pool