Casal real britânico presta homenagem a vítimas do 11/9 em NY

terça-feira, 9 de dezembro de 2014 19:15 BRST
 

Por Ellen Wulfhorst

NOVA YORK (Reuters) - O príncipe britânico William e sua mulher, Kate, duquesa de Cambridge, fizeram uma visita solene nesta terça-feira ao Museu e Memorial Nacional 11 de Setembro, onde foram recebidos por um grupo pequeno, mas determinado, de admiradores que resistiram à chuva e ao vento para conseguir ver de relance o casal real.

Kate colocou um buquê de rosas brancas e uma nota escrita à mão em uma das duas piscinas do memorial que marcam o local onde ficavam as torres do World Trade Center.

Gravados nas bordas das duas piscinas estão os nomes das quase 3.000 pessoas mortas em 11 de setembro de 2001, quando dois aviões sequestrados destruíram as torres gêmeas.

A nota, assinada pelo casal, dizia: "Em memória dolorosa daqueles que morreram no dia 11 de setembro, e em admiração pela coragem demonstrada para reconstruir".

O casal, que está esperando o segundo filho, para abril, está em sua primeira visita à cidade de Nova York.

No memorial os dois acenaram brevemente para os espectadores e depois seguiram para o interior do museu, para visitar as exposições de artefatos e fotografias do dia dos ataques.

Kate usava um casaco Mulberry fúcsia que se destacou brilhantemente no cinza de um dia chuvoso, mas escondia sua barriga de grávida.

Encolhido sob um guarda-chuva, Ben Jones, de Leeds, Inglaterra, disse que ele e sua mulher tinham planejado uma visita ao memorial e ficaram bastante surpresos ao descobrir que a realeza de seu país também havia ido para lá na mesma época.   Continuação...

 
Príncipe William e sua mulher, Kate, visitam museu e memorial do 11 de Setembro em Nova York.  09/12/2014.  REUTERS/Doug Mills/Divulgação