Amal Clooney se destaca entre as estrelas no tapete vermelho do Globo de Ouro

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015 11:21 BRST
 

Por Piya Sinha-Roy

LOS ANGELES (Reuters) - Em meio a uma profusão de estrelas e indicadas ao prêmio que usavam vermelho ou branco, todos os olhos se voltaram para a nova senhora Clooney quando ela fez sua primeira aparição em um tapete vermelho vestindo um estonteante vestido preto da Christian Dior, na noite do Globo de Ouro, no domingo.

Amal Clooney, que casou com George em uma cerimônia de luxo no ano passado, estreou seu longo de um ombro só junto com um par de luvas brancas ao acompanhar o marido, que recebeu um prêmio honorário por sua contribuição ao cinema.

A advogada de direitos humanos trouxe um broche com a inscrição “Je Suis Charlie” espetado em sua bolsa, o mesmo usado por Clooney no terno, em apoio às vítimas do ataque contra o jornal satírico semanal Charlie Hebdo, ocorrido na semana passada.

Desde o casamento, Amal Clooney tem sido elogiada por seu gosto apurado, privilegiando designers franceses, italianos e britânicos e se tornando presença assídua nas listas de mais bem vestidas. As luvas usadas por ela no domingo se tornaram uma tendência a parte no Twitter, com a tag #GoldenGloves.

“Amal é a grande ‘sacada’ no mundo da moda neste momento”, disse Eric Wilson, editor de moda na revista InStyle.

“Usar luvas sobre o tapete vermelho, por mais que soe banal, é uma atitude muito dramática”, acrescentou.

Branco foi o tom dominante na noite fria.

A concorrente ao prêmio Emily Blunt deu um toque grego sobre um clássico vestido drapeado branco de Michael Kors, enquanto Kate Hudson optou por um Versace colado e decotado com cortes abertos.

Julia Louis-Dreyfus valorizou seu visual esguio com um Narciso Rodriguez de um ombro só, enquanto Rosamund Pike dividiu os críticos com um vestido branco de Vera Weng com recortes. Sienna Miller usou um Miu Miu e Keira Knightleuy, grávida, um Chanel, as duas de branco com estampas florais.

O vermelho, em regra considerado uma escolha arriscada para as estrelas que temem sumir sobre o carpete, esteve presente em muitas silhuetas, de Helen Mirren em um Dolce & Gabbana justo à estrela do seriado “Girls” Lena Dunham, em um vestido de setin com costas nuas de Zac Posen, assim como em Allison Williams, vestindo um tomara que caia brilhante da Armani Privê.

 
George e Amal Clooney no tapete vermelho do Globo do Ouro. 11/01/2015 REUTERS/Danny Moloshok