Objetos do ex-presidente Abraham Lincoln vão a leilão nos EUA

sábado, 24 de janeiro de 2015 16:22 BRST
 

Por Marice Richter

DALLAS, Estados Unidos (Reuters) - Uma coleção de itens que pertenceram a Abraham Lincoln, incluindo uma mecha de cabelo do 16º presidente dos Estados Unidos, vai a leilão em Dallas neste sábado, meses antes do aniversário de 150 anos do fim da Guerra Civil norte-americana e do assassinato de Lincoln.

A coleção com mais de 300 peças, cujo valor combinado é avaliando em cerca de 400 mil dólares, pertencia a um ilustre morador de Fort Worth e é considerada uma das melhores coleções particulares conhecidas, de acordo com funcionários do Heritage Auction.

O antigo proprietário da galeria de arte de Fort Worth, Donald Dow, montou a coleção ao longo de cinco décadas, começando em 1963 com a compra de uma caixa de livros, segundo seu filho Greg Dow, que está vendendo a coleção. O velho Dow morreu em 2009.

"Ele começou a coleção por causa de seu interesse na Guerra Civil e na história militar", disse Greg Dow. "Mas, então, ele ficou interessado em Lincoln e no seu assassinato."

Lincoln levou um tiro em 14 de abril de 1865, em Washington, de John Wilkes Booth, famoso ator na época e defensor da Confederação. Ele morreu no dia seguinte.

Os destaques da coleção incluem fragmentos de uma carta escrita por Lincoln a um advogado de Baltimore, em 1862, contendo uma rara admissão de que a Guerra Civil não estava indo bem ao norte, mas rejeitando a rendição. O fragmento é projetado para ser vendido por cerca de 25 mil dólares.