Morre trompetista Clark Terry aos 94 anos

domingo, 22 de fevereiro de 2015 09:46 BRT
 

(Reuters) - Clark Terry, trompetista e compositor vencedor de um Grammy por seus trabalhos com lendas da música como Billie Holiday, Ella Fitzgerald e Quincy Jones, morreu aos 94 anos, segundo confirmou sua mulher neste domingo.

Terry, que vivia em um asilo depois de ter sido diagnosticado com diabetes, "uniu-se à grande banda do céu, onde cantará e tocará com os anjos", disse sua mulher Gwen Terry na página do Facebook do músico.

"Nos deixou estando em paz, rodeado por sua família, estudantes e amigos", declarou.

Nascido em Saint Louis, Missouri, Terry chegou à fama depois de vários anos servindo à marinha, tocando com Count Basie e Duke Ellington nos anos quarenta e cinquenta, antes de se unir à The Tonight Show Band, na qual tocou com o famoso líder da banda, Doc Severinsen.

De acordo com seu site, Terry é um dos músicos mais prolíficos da história do jazz, com mais de 900 gravações com nomes como Oscar Peterson, Dizzy Gillespie, Dinah Washington, Aretha Franklin, Ray Charles, Billy Strayhorn e Thelonius Monk.

Terry também liderou suas próprias bandas, como a Clark Terry's Big Bad Bang e a Clark Terry's Young Titans of Jazz.

Em 2010, recebeu um Grammy em homenagem a toda sua trajetória, um prêmio para o qual já havia sido nomeado em três ocasiões por seu trabalho.

Nos últimos anos, Terry dirigiu sua atenção à educação musical.

(Por Chris Michaud)