Justin Bieber chega a acordo em processo aberto por fotógrafo da Flórida

sexta-feira, 24 de abril de 2015 18:39 BRT
 

Por Zachary Fagenson

MIAMI (Reuters) - Uma ação judicial contra o astro pop Justin Bieber, por causa de um incidente envolvendo um fotógrafo em Miami, foi encerrada, de acordo com advogados.

Um advogado do fotógrafo Jeffrey Biniom não quis comentar e não respondeu quando o acordo entre as partes foi alcançado, ou se a conciliação envolvia alguma compensação financeira.

O processo foi aberto em uma corte do condado de Miami-Dade em 2013, após um desentendimento entre Bunion e Bieber em frente a um estúdio de gravação nos arredores de Miami.

Nos últimos meses, longas sessões de conciliação entre os dois terminaram em um impasse, disse o advogado de Binion, Mark DiCowden.

O advogado de Bieber, Jeremiah Reynolds, confirmou que os dois haviam chegado a um entendimento.

O cantor canadense, que frequentemente se torna notícia por incidentes ocorridos durante noitadas, também está sendo processado por outro fotógrado da Flórida, Manuel Muñoz, que tirou uma foto dele deixando o clube noturno South Beach em janeiro de 2014.

Muñoz, em uma ação aberta em maio de 2014, alegou que os seguranças de Bieber o perseguiram em uma rua turística lotada e entraram em uma loja, onde o detiveram, bateram e quebraram sua câmera. Ele busca por sanções punitivas e compensatórias desconhecidas.

Reynolds não quis comentar sobre o processo de Muñoz.

O incidente ocorreu na mesma noite em que Bieber foi preso pela polícia de Miami Beach, acusado de correr perigosamente com sua Lamborghini pelas ruas da cidade.

 
Cantor Justin Bieber posa para fotos durante programa do canal Comedy Central em Culver City, Califórnia. 15/03/2015 REUTERS/Kevork Djansezian