Vestido de 25 kg usado por Rihanna alça estilista chinesa ao estrelato

sexta-feira, 15 de maio de 2015 11:57 BRT
 

Por Natalie Thomas

PEQUIM (Reuters) - Entre os vários trajes suntuosos exibidos na semana passada na noite de gala do Metropolitan Museum of Art de Nova York, um em especial roubou o show.

O vestido amarelo-canário da cantora Rihanna tinha uma cauda longa a perder de vista e atraiu os olhares quando a artista chegou ao baile de gala, numa das noites mais importantes do ano para o mundo fashion.

As mídias sociais ferveram de comentários sobre o vestido, e a revista de moda Vogue rapidamente o estampou na capa de sua edição especial sobre o Met Gala, alçando sua criadora, a chinesa Guo Pei, ao estrelato internacional.

Guo, estilista de marca que se transformou em designer de alta costura e já é bem conhecida na China, diz que o vestido de estilo imperial, uma de suas criações mais ambiciosas, levou cerca de dois anos para ser feito, tendo sido concebido ainda em 2008.

A estilista, que admitiu não saber muito sobre Rihanna quando recebeu o pedido, contou que a peça de 25 quilos foi criada para ser difícil de vestir como forma de refletir as responsabilidades e desafios de uma imperatriz.

“Eu realmente não estava acreditando que ela conseguiria vesti-lo, porque... é muito pesado”, afirmou Guo. “Mas mais tarde ela me disse ‘esta roupa é tão linda’ que... criou coragem (para vesti-la). Realmente admirei isso”, afirmou Guo em seu estúdio no norte de Pequim.

(Reportagem da Reuters Television)

 
Cantora Rihanna chega ao Metropolitan Museum of Art em Nova York. 04/05/2015 REUTERS/Lucas Jackson