Como criar um universo de Lego, após um copo de cerveja

terça-feira, 19 de maio de 2015 10:20 BRT
 

Por Ben Hirschler

LONDRES (Reuters) - Em um pub no centro de Londres, um jovem físico de barba está demonstrando como montar um modelo do universo com peças de Lego. Dica: você precisa de muitas peças.

Pela cidade, em diferentes bares, outros especialistas estão sondando os mistérios de doenças mentais e da vida em outros planetas, e discutindo sobre como ganhar um prêmio Nobel. Tudo isso é parte do festival "Pint of Science", evento que serve de plataforma para cientistas em dezenas de pubs espalhados por nove países pare explicar suas pesquisas em público.

A ideia de conversar sobre ciência em um pub foi sonhada (em um pub) por dois pesquisadores neurocientistas da Imperial College, em Londres. O festival cresceu desde que saiu do papel em 2013, e na edição deste ano possui mais de 600 noites científicas.

Após inicialmente dar certo em alguns pubs em Londres, Oxford e Cambridge, o evento de 2015 passa por bares em 50 cidades espalhadas pelo mundo, incluindo Nova York, Paris, Berlim e Sydney.

O cofundador Michael Motskin afirma que o elemento de beber socialmente é essencial para o sucesso do evento. "Há um buraco gigante entre o que as pessoas sabem sobre ciência e o que fazemos de verdade em laboratórios", disse. "A melhor maneira para conversar sobre não é em uma sala de leitura, mas em um ambiente relaxante, onde você pode ter um drink", acrescentou.

Discutir ciência em um pub possui uma história na Grã-Bretanha, com James Watson e Francis Crick anunciando pela primeira vez a descoberta da estrutura de dupla hélice do DNA no pub Eaglem em Cambridge, em 1953.