Polícia alemã encontra esculturas desaparecidas feitas para Hitler

quarta-feira, 20 de maio de 2015 12:19 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - A polícia alemã disse ter recuperado esculturas de bronze e relevos em granito feitos para a imponente Chancelaria do Reich de Adolf Hitler que estavam desaparecidas há anos.

A polícia disse em nota que realizou buscas em 10 endereços em cinco Estados da Alemanha nesta quarta-feira e estavam investigando oito suspeitos, com idade entre 64 e 79 anos, por guardar ou vender os trabalhos de arte.

As buscas coordenadas foram parte de uma longa investigação sobre o paradeiro dos bens.

Josef Thorak e Arno Breker fizeram as obras artes para a Chancelaria de Hitler, que foi desenhada por seu arquiteto Albert Speer e de onde planejava comandar o grande império alemão.

Após a Segunda Guerra Mundial, os trabalhos foram levados para bases militares ao norte de Berlim, antes de desaparecerem em 1989.

A Chancelaria de Hitler foi gravemente danificada em 1945 e seus destroços foram demolidos após a guerra por ordens das forças de ocupação soviéticas.

(Reportagem de Paul Carrel)