Sean Combs cai e Janet Jackson se emociona na premiação da TV BET

segunda-feira, 29 de junho de 2015 10:59 BRT
 

(Reuters) - O rapper Sean "Diddy" Combs levou um tombo, Janet Jackson fez uma aparição emotiva e a rede de televisão BET prestou homenagem no domingo a ativistas nos Estados Unidos que exigem maior responsabilização da polícia depois de um ano conturbado.

Combs caiu em um buraco no palco do programa de premiação da BET durante a celebração do 20º aniversário de seu selo Bad Boy, que reuniu artistas de hip-hop, incluindo Lil 'Kim, Faith Evans e 112, em uma celebração que contou com a presença de Pharrell Williams.

Combs rapidamente se levantou e continuou a performance, parecendo não ter se machucado.

Os prêmios BET prestam homenagem aos negros que foram destaque na música, interpretação, esportes e entretenimento de modo geral nos Estados Unidos no ano passado.

Eventos políticos não estiveram ausentes em nenhum momento na cerimônia de domingo, em Los Angeles. O ator Michael B. Jordan, astro do filme “Fruitvale Station – A Última Parada”, de 2013", fez um discurso em nome da rede de TV a cabo, reconhecendo o mérito dos milhares de norte-americanos que protestaram e participaram de manifestações pelas mortes de jovens negros nas mãos da polícia nos últimos 12 meses.

Em um dos momentos mais esperados da cerimônia de quase quatro horas, Janet Jackson recebeu o prêmio de Ícone por visual de dance music.

Janet, de 49 anos, anunciou no mês passado que iria lançar seu primeiro álbum de material novo desde "Discipline", em 2008, e embarcar em sua primeira turnê mundial em quatro anos.

 
Janet Jackson recebe prêmio da emissora de TV BET em Los Angeles. 28/06/2015  REUTERS/Kevork Djansezian