Supermodelo Bar Refaeli é acusada de sonegar impostos em Israel

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015 15:52 BRST
 

JERUSALÉM (Reuters) - A supermodelo israelense Bar Refaeli está sendo investigada em sua terra natal por alegações de sonegação de pagamento de impostos sobre lucros obtidos em sua atividade profissional.

Os advogados da modelo de 30 anos rejeitaram as acusações. Eles afirmam que o caso está centrado em um desentendimento antigo com autoridades do país a respeito de Bar dever ou não ser considerada habitante de Israel para efeitos de declaração ao fisco.

    A investigação conduzida pelas autoridades foi o segredo menos bem guardado do Estado judeu esta semana, embora uma ordem judicial tenha mantido seu nome e seu rosto fora da mídia.

    A medida restritiva foi anulada nesta quinta-feira, mesmo dia de uma audiência à qual ela não foi obrigada a comparecer.

    Yair Rabinovich, ex-comissário nacional da receita de Israel, disse à Rádio Israel que a classificação de moradia de Bar depende de uma combinação de fatores, entre eles o número de dias passado no país e o fato de Israel estar ou não "no centro da vida da pessoa".

    Documentos judiciais apresentados pelos investigadores da receita e divulgados na mídia israelense afirmam que Bar morou em apartamentos luxuosos de Tel Aviv nos últimos anos, mas que seu irmão e sua mãe assinaram os contratos de locação para ocultar sua residência e possivelmente evitar pagar impostos de milhões de dólares referentes a rendimentos obtidos no exterior.

     (Por Jeffrey Heller)

 
Modelo israelense Bar Refaeli no Festival de Cannes. 22/5/2014. REUTERS/Benoit Tessier