Show de banda da Coreia do Norte em Pequim é cancelado por "letras antiamericanas", diz fonte

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015 12:27 BRST
 

Por Benjamin Kang Lim e Ben Blanchard

PEQUIM (Reuters) - O show de um grupo formado só por mulheres norte-coreanas em Pequim foi cancelado na semana passada porque as autoridades chinesas se opuseram a letras "antiamericanas” das músicas, disse nesta sexta-feira à Reuters uma fonte com laços com a Coreia do Norte e a China.

A Banda Moranbong estava visitando a China com um coral oficial da Coreia do Norte, e estava previsto que se apresentariam no dia 12 no Centro Nacional de Pequim para Artes Cênicas.

Censores chineses não aprovaram uma letra que se referia aos Estados Unidos como um "lobo ambicioso", e outras que glorificavam a Guerra da Coreia (1950-1953) de acordo com a fonte.

"A China não pediu que as letras fossem alteradas, mas a banda não passou na triagem dos censores", disse a fonte, que pediu que não fosse identificada devido à sensibilidade do assunto.

A China tem tentado agir como uma mediadora honesta entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte e tem repetidamente procurado fazer com que os rivais esfriem sua retórica.

 
Membros da Banda Moranbong, da Coreia do Norte, após desembarque no aeroporto de Pequim.  12/12/2015  REUTERS/Kyodo