Globo de Ouro faz premiação no domingo com disputa bastante aberta

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016 19:37 BRST
 

Por Piya Sinha-Roy

LOS ANGELES (Reuters) - Com champanhe à vontade e piadas sarcásticas que ainda serão contadas, mas pelas quais já se pediu desculpas, o Globo de Ouro deste domingo promete uma noite intensa com os principais nomes de Hollywood e uma disputa bastante aberta pelas premiações, para manter os espectadores sob suspense.

A entrega dos Globos, escolhidos pelos eleitores da Hollywood Foreign Press Association, geralmente oferece uma prévia antecipando resultados do mais prestigiado Oscar.

O amargo britânico Ricky Gervais vai substituir no comando da premiação o dueto de comediantes Tina Fey e Amy Pohler. Pelo Twitter, ele já fez um insolente pedido de desculpas para aqueles que vão se ofender com as suas piadas.

Com filmes como “Spotlight: Segredos Revelados”, “O Regresso”, “A Grande Aposta”, e “Carol” competindo pelos Globos de Ouro, a premiação do Oscar pode estar tomando forma.

"O Globo de Ouro deste ano é um vale tudo”, disse Tom O’Neil, fundador do site sobre premiações GoldDerby.com. “Os Globos são uma audição para o Oscar.”

As indicações cobrem um variado campo de gêneros e tópicos. “Spotlight”, que trata da investigação do Boston Globe sobre abuso sexual por padres católicos, é o provável favorito para melhor drama, enquanto o filme sobre delitos em Wall Street, “A Grande Aposta”, pode levar o prêmio de melhor comédia, disse O’Neil.

Os eleitores que determinam os Globos não são membros da Academia que escolhe o Oscar. No entanto, o Globo de Ouro têm premiado muitos filmes e atores que acabam vencendo também o Oscar. As indicações para o Oscar serão anunciadas em 14 de janeiro.

Neste ano, os analistas apostam em Leonardo DiCaprio na disputa de melhor ator pelo seu papel no drama de época de Alejandro Iñarritu, “O Regresso”. DiCaprio tem como concorrentes no domingo Eddie Redmayne ("A Garota Dinamarquesa"), Will Smith ("Um Homem entre Gigantes"), Michael Fassbender ("Steve Jobs") e Bryan Cranston ("Trumbo: Lista Negra").

A estrela de "Carol" Cate Blanchett disputa com a sua colega de elenco Rooney Mara para melhor atriz de drama, além de Saoirse Ronan ("Brooklyn"), Brie Larson ("O Quarto de Jack") e Alicia Vikander ("A Garota Dinamarquesa").

 
Ator Rick Gervais em Berverly Hills. 11/01/2015 REUTERS/Patrick T. Fallon