Cantor country Hunter Hayes adota estilo mais pop para estrear na Grã-Bretanha

quarta-feira, 8 de outubro de 2014 16:08 BRT
 

Por Holly Rubenstein

LONDRES (Reuters) - A mistura de música country com uma pitada de rock do cantor norte-americano Hunter Hayes lhe rendeu quatro indicações ao prêmio Grammy e milhões de discos vendidos em casa, mas é sua pegada pop que vai ser trazida à tona para sua estreia na Grã-Bretanha.

Hayes, de 23 anos, nascido no Estado da Louisiana, entretém plateias desde mais jovem – tocou para o ex-presidente Bill Clinton no gramado da Casa Branca aos sete anos de idade. Sua canção de trabalho mais bem-sucedida, "Wanted", vendeu mais de 3,5 milhões de cópias nos EUA, fazendo dele o artista mais jovem a liderar a parada Billboard Hot Country.

Ele também fez turnê com Taylor Swift e Carrie Underwood e conquistou o prêmio de melhor cantor no Teen Choice Awards nos três últimos anos.

Sua entrada no mercado britânico – que recebeu Shania Twain de braços abertos e teve Dolly Parton como principal atração do festival de música de Glastonbury – foi com uma versão retrabalhada de seu último lançamento, "Tattoo", para um público menos familiarizado com a música country, mas que pode aceitar um “caipira pop”.

“É uma nova cara para a canção, é um som novo para mim. Fui pego meio de surpresa”, disse Hayes à Reuters em uma entrevista em Londres nesta semana.

“Mas ainda tem a emoção da canção e o som que eu amo, então consegue se manter fiel a ela, e é isso que faz da minha música o que ela é, entende? Não acho que perdeu isso na nova roupagem”.

Hayes fez sua estreia londrina no coração do distrito que concentra os teatros da cidade para uma plateia de fãs e jornalistas, e não é um novato no palco, já tendo se apresentado na cerimônia de 2014 do Grammy.

Seu novo álbum será lançado na Grã-Bretanha em 2015.

 
O cantor country Hunter Hayes se apresenta em um festival de música em Indio, na Califórnia, Estados Unidos, em abril. 26/04/2014 REUTERS/Mike Blake